quarta-feira, 26 de março de 2014

Em Ponta da Serra acontece a Primeira Reunião Preparativa para a grande Festa do Padroeiro São José 2014

 Após a realização da Prè Festa  de São José  que  se deu de 09 a 19 deste mês, aconteceu  nesta noite (26.03) no Salão Paroquial a primeira reunião  de preparação para a  grande Festa do Padroeiro, que contou com a presença de  um bom número de paroquianos.
Na oportunidade foi apresentado pelo Paróco Padre Zé Ricardo um esboço da programação deste ano ,  sendo acrescentadas algumas sugestões  dos participantes.
Presente à referida reunião o vereador Guri , o Secretário de Limpeza Pública do Município do Crato Antonio de Mano,  o diácono Dionísio e representantes de vários setores da paróquia.

Acredita-se ter sido uma reunião bem proveitosa, ficando marca uma outra para a próxima quarta – feira.







FOTOS  DO PADRE ZÉ RICARDO

terça-feira, 25 de março de 2014

PORQUE CEARÁ “TERRA DA LUZ”


O Ceará é conhecido como "Terra da Luz", numa referência à grande quantidade de dias ensolarados, mas que também remonta ao fato de o estado ter sido o primeiro da federação a abolir a escravidão, em 1884, quatro anos antes da Lei Áurea. Por esse fato, o jornalista José do Patrocínio considerou o estado como "a terra da luz". ( Fonte  http://pt.wikipedia.org/wiki/Cear%C3%A1


HINO DO ESTADO DO CEARÁ 
Música: Alberto Nepomuceno
Letra: Thomaz Lopes

Terra do sol, do amor, terra da luz!
Soa o clarim que a tua glória conta!
Terra, o teu nome a fama aos céus remonta
Em clarão que seduz!
Nome que brilha - esplêndido luzeiro
Nos fulvos braços de ouro do cruzeiro!

Mudem-se em flor as pedras dos caminhos!
Chuvas de prata rolem das estrelas...
E despertando, deslumbrada ao vê-las,
Ressoe a voz dos ninhos...
Há de florar nas rosas e nos cravos
Rubros o sangue ardente dos escravos.

Seja o teu verbo a voz do coração,
Verbo de paz e amor do Sul ao Norte!
Ruja teu peito em luta contra a morte,
Acordando a amplidão.
Peito que deu alívio a quem sofria
E foi o sol iluminando o dia!

Tua jangada afoita enfune o pano!
Vento feliz conduza a vela ousada
Que importa que teu barco seja um nada,
Na vastidão do oceano
Se à proa vão heróis e marinheiros
E vão no peito corações guerreiros?

Sim, nós te amamos, em aventuras e mágoas!
Porque esse chão que embebe a água dos rios
Há de florar em messes, nos estios
E bosques, pelas águas!
Selvas e rios, serras e florestas
Brotem do solo em rumorosas festas!

Abra-se ao vento o teu pendão natal
Sobre as revoltas águas dos teus mares!
E desfraldado diga aos céus e aos mares
A vitória imortal!
Que foi de sangue, em guerras leais e francas
E foi na paz, da cor das hóstias brancas!

segunda-feira, 24 de março de 2014

PADRE CÍCERO, UM BEZERRA DE MENEZES



Alguns ancestrais do Pe. Cícero pertenciam à Família Bezerra de Menezes. Quem lê estudos mais aprofundados sobre a biografia de Cícero Romão Baptista, o padre secular que revolucionou a Povoação do Joazeiro, entre 11 de abril de 1872 - quando chega na povoação para residir, na companhia de sua família (a mãe Joaquina Vicência – chamada Dona Quinô, duas irmãs – Mariquinha e Angélica, e uma escrava, Terezinha) e 20 de julho de 1934, quando falece - deve ter encontrado alguns destes registros. As suas tetravó e trisavó paternas, respectivamente, Petronila Bezerra de Menezes e Ana Maria Bezerra de Menezes, filha de Petronila, eram relacionadas por genealogistas como oriundas da contribuição étnica da família, dos troncos existentes entre velhos povoadores da Bahia, de Pernambuco e de Sergipe, especialmente. Contudo, as ressalvas eram feitas, admitindo-se que eventualmente fossem estes ancestrais consanguíneos. Levantamentos mais recentes mostram de forma inequívoca, as relações familiares destes avoengos com as mesmas heranças espanholas e portuguesas já referidas para a ancestralidade do Brigadeiro Leandro Bezerra Monteiro. O nono filho do casal Bento Rodrigues Bezerra e Petronilla Velho de Menezes, se não teve uma grande importância no povoamento do Cariri, menor não é o significado de sua descendência, especialmente, para Juazeiro do Norte, pois representou o berço do patriarca da extensa Nação Romeira, o reverendíssimo padre Cícero Romão Baptista . Assim:
1. João Bezerra de Menezes matrimoniou-se com Maria Gomes, e foram os pais de:
2. Petronila Bezerra de Menezes que casou com o Cap. João Carneiro de Morais, e geraram:
3. Ana Maria Bezerra de Menezes, que desposou o Cap. Francisco Gomes de Melo, pais de:
4. José Gomes de Melo, capitão, de cujo enlace com Ana de Farias, tornaram-se pais de:
5. Vicência Gomes de Melo, que uma vez casada com José Ferreira Castão, foram os pais de:
6. Joaquina Vicência Romana (ou Joaquina Ferreira Castão – Dona Quinô), de cujo casamento com Joaquim Romão Baptista Mirabeau, foram os pais de:
7. Padre Cícero Romão Baptista.

Por conseguinte, o Pe. Cícero Romão Baptista é um Bezerra de Menezes. Neste caso, sem nenhuma dúvida, este parentesco com os povoadores do Sítio Joazeiro se verifica bilateralmente, pelos lados materno e paterno. (Daniel Walker e Renato Casimiro)

Extraido do Blog do Padre Cícero

ÁRVORE GENEALÓGICA DO PADRE CÍCERO – Por Antonio Correia Lima




LADO MATERNO

Manuel Ferreira Castão c.c. Antonia Maria de Souza, Nat de Cachoeiro – Livro de Reg, de Bat. , de 1800  fl 91,

pais de

José Ferreira Castão c.c. Vicência Gomes Castão, naturais de Cachoeira,

pais de

Joaquim Ferreira Castão c.c. Joaquim Romão  Batista ,

 pais do

Cícero Romão Batista


LADO PATERNO

Romão José Batista c.c. Angélica Romana Batista,

pais de

José Romão de Noronha c.c. Josefina Leopoldina Maia ( Livro de Reg. De Batismo, de 1845 -49 fhs. 7);

Pais  de

Joaquim Romão Batista c.c. Joaquina Ferreira  Castão ( Livro de Reg. De Batismo, de 1843 f 6,

 pais do


Padre Cicero Romão  Batista (  ivro de Reg.  De Batismo, de 1843-45 fl 61. Par. De N. S. da Penha de Crato;



Foto extraída do Cariri Cangaço

ÁRVORE GENEALÓGICA DO PADRE CÍCERO -I


 José Pereira Lima “Aço”, Português, c.c. Apolônia Correia deOliveira, sergipana. Foram proprietários dos sítios Corrente e Ponta da Serra.

 Pais de

Francisca Pereira de Oliveira, cratense
c.c. o português Antonio José Batista e Melo, advogado em Crato.

 Pais de

Romão José Batista, cratense nascido em
1780 e falecido em 19.10.1854, c.c. Angélica Romana Batista, de Milagres.

 Pais de

Joaquim Romão Batista, falecido em junho de 1862. Foi casado com Joaquina Ferreira Castão.

 Pais  de


CÍCERO ROMÃO BATISTA ( PADRE CÍCERO)


quinta-feira, 20 de março de 2014

DADOS POULACIONAIS DO CRATO E SEUS DISTRITOS


CRATO - CE

População estimada 2013     126.591
População 2010          121.428
Área da unidade territorial (km²)     1.176,467
Densidade demográfica (hab/km²)   103,21
Código do Município  2304202
Gentílico         cratense




DISTRITOS 

1.DISTRITO DE PONTA DA SERRA - CRATO - CE 8.971 HABITANTES –CENSO 2010
2. Dom Quintino - Crato - CE 2.469
3. Monte Alverne - Crato - CE 2.382
4. Baixio das Palmeiras - Crato - CE 2.428
5. Belmonte - Crato - CE 1.798
6. Campo Alegre - Crato - CE 2.002
7. Bela Vista - Crato - CE 2.625
8. Santa Fé - Crato - CE 4.293

9.Santa Rosa - Crato - CE 1.268

CRIAÇÃO DE NOVOS MUNICÍPIOS NO CEARÁ


Na  Região Metropilitana do Cariri três distritos esperam ansiosos pela decisão do Congresso Nacional  em resolver se derruba o Veto Presidencial ao Projeto de Lei que propõe devolver para as Assembléias  Legislativas dos Estados  a competência de legislar sob a criação de municípios, ou se acata o  projeto substituto do Governo com critérios mais rígidos, em especial o que determina a população mínima , que no caso do Nordeste passa de 8 oito mil e quinhentos  para quinze mil.
Os três distritos citados estão na relação dos 30 projetos aprovados pela Assembleia Legislativa do Estado , ainda em 2010, após terem sido submetidos ao estudo de viabilidade econômica  realizado pela Comissão de Triagem da referida casa.
Vale dizer  que essa discussão já foi adiada pela segunda vez entre  fevereiro e março deste ano, numa manobra liderada pelos líderes do Governo


Vejamos  os dados populacionais destes três distritos.

CRATO - CE
População estimada 2013     126.591
População 2010          121.428
Área da unidade territorial (km²)     1.176,467
Densidade demográfica (hab/km²)   103,21
Código do Município  2304202
Gentílico         cratense





DISTRITO DE PONTA DA SERRA - CRATO - CE 8.971 HABITANTES –CENSO 2010





EM MAURITI - MAURITI - CE

População estimada 2013     45.640
População 2010          44.240
Área da unidade territorial (km²)     1.049,488
Densidade demográfica (hab/km²)   42,15
Código do Município  2308104
Gentílico         mauritiense


DISTRITO DE PALESTINA DO CARIRI - MAURITI - CE 6.119 habitantes




EM MISSÃO VELHA - CE
População estimada 2013           35.056
População 2010               34.274
Área da unidade territorial (km²)           645,703
Densidade demográfica (hab/km²)        53,08
Código do Município    2308401
Gentílico            missanvelhense



DISTRITO DE JAMACARU - MISSÃO VELHA - CE 10.107HABITANTES


 

terça-feira, 18 de março de 2014

Congresso adia mais uma vez análise de veto sobre criação de novos municípios

18/03/2014 22:44


O Congresso Nacional mais uma vez não conseguiu acordo pra analisar os vetos presidenciais em pauta. A sessão desta terça-feira foi a segunda em que o primeiro dos vetos impediu o andamento da votação. É um veto total feito pela presidenta Dilma Rousseff à proposta que regulamenta a criação de municípios. A proposta possibilitaria a criação de cerca de 400 cidades, e o Executivo vetou o texto com a justificativa de que despesas poderiam ser criadas sem as receitas equivalentes. 
Luis Macedo / Câmara dos Deputados
Sessão do Congresso Nacional para análise e votação de 12 vetos presidenciais
Sessão para análise de 12 vetos presidenciais
O senador Romero Jucá, do PMDB de Roraima, presidiu a sessão em que nada foi votado, e abriu o encontro lendo carta enviada pelos senadores, que não compareceram ao Plenário, afirmando que estavam em obstrução. A obstrução do Senado interessa ao governo, que busca adiar essa votação, e negociar a aprovação de projeto alternativo, com regras diferentes pra criação das cidades, dependendo da região do país.
Líder do governo no Congresso Nacional, o senador José Pimentel ressaltou que a decisão de não votar partiu não apenas da base aliada, mas também da oposição.
"É uma posição de todos os líderes do Senado, da base do governo e da oposição. E isso é uma continuidade da sessão anterior, em que todos os líderes da Câmara obstruíram a votação. Estamos trabalhando pra ter um acordo de procedimento e de votação."
A sessão do Congresso, com apenas discursos parlamentares, foi acompanhada por manifestantes que pediam a derrubada do veto. O líder da minoria na Câmara, deputado Domingos Sávio, criticou a decisão dos senadores.
"É um atentado contra a democracia. Isso é algo inusitado, nós vermos um senador abrir uma sessão dizendo que, premeditadamente, antes de sequer abrir a sessão, abrir a discussão, o Senado decide obstruir a sessão do Congresso Nacional, ou seja, decide impedir que o Congresso Nacional funcione."
Autor do projeto vetado, o deputado Mozarildo Cavalcanti, do PTB de Roraima, afirmou que vai apresentar um novo projeto pra regulamentar a criação de cidades, e que terá de ser aprovado nos próximos trinta dias, antes de nova reunião do Congresso pra análise de vetos.
Mais cedo, em sessão apenas da Câmara, os deputados aprovaram proposta que cria gratificação pra membros do Ministério Público e juízes federais. O projeto vai ao Senado.
Da Rádio Câmara, de Brasília, Paula Bittar

segunda-feira, 17 de março de 2014

domingo, 16 de março de 2014

COLONIZADORES PORTUGUESES NA REGIÃO DO CARIRI - 1700 A 1800


Veja os seus antepassados na Lista dos Primeiros Colonizadores Portugueses do Ceará

1700 - 1800

Abreviaturas
N. = Nasceu em
C. = Casou em … / 1a = Primeiras núpcias 2a = Segundas núpcias
c. = cerca de
Ent. = Entrelaçou com a familia...
F. = Fixou em


ABREU, Lázaro Vaz Souto de
N. Lisboa
C. Cariri
Fix. Cariri


ABREU, Lázaro Vaz Souto de
N. Lisboa
C. Cariri
Fix. Cariri


ABREU, Sebastião de
N. Porto
C. Recife
Fix. Cariri


ALMEIDA, Luis Furtado Leite de
N. Ilha de São Miguel, Açores
C. Sergipe?
Fix. Mauriti
Ent. Lacerda, Araújo


ALMEIDA, Luis Pereira de
Fix. Missão Velha


ANDRADE, Joaquim Lopes de
Fix. Cariri


ANDRADE, Luís Antônio de
N. Braga
C. Cariri
Fix. Missão Velha


ANDRADE, Manuel José de
N. Ilha de São Miguel, Açores
C. Cariri
Fix. Cariri


ANDRADE, Pedro Rodrigues de
C. Rio São Francisco
Fix. Cariri


ARAÚJO, Francisco Antônio
N. Sta Maria dos Refojos, Ponte de Lima
Fix. Cariri
Ent. Moreira dos Santos


ARAÚJO, Joaquim Correia
Fix. Jaguaribe
Ent. Maciel



BARBOSA, Bento
N. Lisboa
Fix. Cariri

BARROS, Manuel da Costa
C. Bahia
Fix. Cariri



BASTOS, Gaspar Martins
N. Bastos
Fix. Cariri

BOTELHO, José Cardoso
N. Freguesia de São Sebastião, Coimbra
Fix. Cariri
Ent. Oliveira

BRAGA, Francisco da Costa
N. Bom Despacho, Braga
C. Bahia
Fix. Cariri

BRAGA, Pedro Ferreira
N. Lisboa
Fix. Cariri


BRITO, Marçal Freire
N. Vila do Conde
Fix. Cariri


CALDAS, João de
N. Vila de Guimarães
C. Fortaleza
Fix. Cariri
Ent. Pereira


CAMACHO, Manuel de Farias
N. Ilha da Madeira
C. Sergipe
Fix. Barbalha
Ent. Abreu


CARVALHO, Francisco Gonçalves de
C. Cabrobó, PE
Fix. Cariri


CARVALHO, Jacinto Silveira
N. Santo André de Telves, Braga
C. Russas
Fix. Icó
Ent. Fernandes da Silva


CISNE, José da Costa
N. Freguesia Martinho, Porto
C. Carirí
Fix. Carirí
Ent. Velho, Ferreira


CORREIA, Manuel da Costa
N. Ilha de São Miguel, Açores
Fix. Carirí
Ent. Rego Barros

CORREIA, Manuel
 Dias
N. c. 1718
Fix. Carirí


CORREIA VIEIRA, Vitoriano
C. Russas
Fix. Jaguaribe
Ent. Pimenta de Aguiar, Castelo Branco


COSTA, Antonio Mendes da
N. Santarém

C. Cabrobó, PE
Fix. Cariri


COSTA, Domingos Dias da
N. Freguesia de Lamas, Braga
C. Cabrobó, PE
Fix. Cariri


COSTA, José Ferreira da
N. Rio Tinto, Porto
Fix. Cariri


COSTA, Lourenço da
Fix. Cariri


COSTA, Manuel Fernandes da
C. Pernambuco
Fix. Cariri


COUTINHO, Fernando Souza
C. Bahia
Fix. Cariri


CUNHA, Antonio Pereira da
N. São Martinho, Porto
C. Pernambuco
Fix. Cariri
Ent. Araújo Carvalho


CUNHA, José Antonio da
N. Porto
Fix. Cariri
Ent. Martins Morais, Rocha


DANTAS, Antonio Gonçalves
N. São Pedro Rubiães, Coura
Fix. Cariri


DANTAS, Bartolomeu Pereira
N. Porto
Fix. Cariri


DINIZ, João Gonçalves
N. Povoa, Braga
Fix. Cariri


DOETTE, João Ferreira
N. Lisboa
C. Bahia
Fix. Cariri


D’HORTAS, João Rodrigues
N. Lisboa,
Fix. Cariri


DUARTE, Domingos
N. Viseu
C. Bahia
Fix. Cariri


FARIAS, José Francisco
N. Ilha de São Miguel, Açores
Fix. Missão Velha


FERREIRA, Manuel
N. Lisboa
C. Russas
Fix. Cariri

FERREIRA, Manuel
N. Lisboa
C. Icó
Fix. Cariri


FERREIRA, Manuel Gonçalves
N. Santa Maria de Melres, Porto
C. Alagoas
Fix. Cariri


FERREIRA, Manuel Gonçalves
N. Santa Maria de Melres, Porto
C. Alagoas
Fix. Cariri


FIGUEIREDO, Bernardo Bento
N. Coimbra
C. Cariri
Fix. Cariri


FIGUEIREDO, Francisco Rodrigues
N. Évora
C. Bahia
Fix. Cariri
Ent. Ávila


FIGUEIREDO, José Bento
N. Coimbra
C. 1o. - Alagoas
Fix. Cariri
Ent. Bezerra


FOLGADO, Pedro Fernandes
N. Lisboa
C. Alagoas
Fix. Cariri
Ent. Santos Ferreira


FONSECA, Francisco Tristão
N. Lisboa
Fix. Cariri


FREITAS, José
N. Ilha da Madeira
C. Pernambuco
Fix. Cariri


FURTADO, José de Souza
N. Ilha de São Miguel, Açores
C. Icó Fix. Missão Velha
Ent. Vieira, Maciel


FURTADO DE MENDONÇA, Francisco
N. Ilha da Madeira, 1684
C. 1o. - Pco, 2o. - Ceará
Fix. Zona Norte do Ceará
Ent. Paes Barreto


GOMES, João da Silva
N. Freguesia Nossa Senhora da Ajuda
C. Cariri
Fix. Cariri
Ent. Pereira de Araújo

GOMES, Manuel
N. Miranda
C. Rio Grande do Sul
Fix. Cariri


GONÇALVES, João
N. Lisboa
C. Cariri
Fix. Brejo Grande


GRANJEIRO, Albano Pereira
N. Angra
C. Goiana, PE
Fix. Cariri


GUIMARÃES, Domingos Moreira
N. Guimarães
C. Bahia
Fix. Cariri


GUIMARÃES, Francisco da Cruz
C. Cabrobó, PE
Fix. Cariri


GUIMARÃES, Francisco Pereira Maia
C. Crato
Fix. Cariri
Ent. Ferreira Lima


JORGE, João Machado
N. Ilha de São Jorge
C. Cariri
Fix. Barbalha
Ent. Correia Sampaio


JOSÉ, Antonio
N. Lisboa
C. Recife
Fix. Cariri
Ent. Gomes


LIMA, João José
N. Lisboa
C. 2a Cariri
Fix Cariri
Ent. 1a Abreu, 2a Taveira


LIMA, José Quezado Figueira
C. Bahia
Fix. Cariri


LIMA, Mateus Ferreira
C. Recife
Fix. Cariri


LIMA AÇO, José Pereira
C. Sergipe
Fix. Cariri
Ent. Lima-Verde


LOURENÇO, Antonio Machado
N. Ilha Terceira, Açores
C. Cariri
Fix. Cariri
Ent. Martins de Jesus, Brandão


LUÍS, José
N. Lisboa, c. 1720
C. Fortaleza
Fix. Cariri


LUZ, José Pereira da
N. Setúbal
C. Angola
Fix. Cariri
Ent. Araújo



MACÊDO, João Luis
C. Bahia
Fix. Cariri

MACÊDO, Joaquim Antônio
N. Leiria
Fix. Cariri
Ent. Paes Landim

MACÊDO, José Rodrigues
C. Arneiróz, c. 1750
Fix. Inhamuns
Ent. Costa Oliveira

MACHADO, Francisco da Costa
N. Ilha S. Miguel, Açores
Fix. Cariri
Ent. Pereira da Cunha


MACHADO, Francisco de Sousa
N. Leiria
Fix. Cariri
Ent. Figueiredo


MACHADO, Manuel Ferreira
N. Ilha Graciosa
C. Icó
Fix. Cariri
Ent. Costa


MACIEL, Antonio Dias
N. Alhandra
C. Fortaleza
Fix. Cariri


MADEIRA, Antonio Ferreira
N. Ilha da Madeira
C. Pau dos Ferros, RN
Fix. Cariri
Ent. Freire de Brito


FONTE: www.angelfire.com/linux/genealogiacearense/index_povoadores.html

domingo, 2 de março de 2014

EMANCIPAÇÃO DE PONTA DA SERRA: A LUTA CONTINUA




Ponta da Serra que tem como Marco Inicial  de sua povoação  a data de 25.12.1895, quando da missa inaugural de seu Oratório dedicado  a São José, conta hoje em sua sede com mais de 1300 prédios, dentre esses, 84 sobradinhos e 2 prédios de três pavimentos.
O Distrito tem uma população estimada em 10 mil habitantes, e está prestes a sua emancipação política.
O Congresso deverá resolver o impasse da questão de criação de novos municípios no Brasil, neste dia 18 de março, discutindo dois Projetos, o que vem se arrastando  há 12 anos, e o apresentado pelos líderes do Governo  no dia 18.02.

Há  grandes possibilidades da derrubada do Veto Presidencial ao primeiro Projeto.

sábado, 1 de março de 2014

Alexandre Louzada e Rosa Magalhães: um pouco da história das escolas de samba - Bloco 2

Alexandre Louzada e Rosa Magalhães: um pouco da história das escolas de samba - Bloco 1

Divulgação
Império Serrano
Império Serrano
Dizer que juntar em um só programa Alexandre Louzada e Rosa Magalhães é equivalente e cobrir quase meio século da História das Escolas de Samba do Rio e, em grande parte de São Paulo, não chega a ser um exagero, pois ambos têm passagens vitoriosas pelas principais agremiações do samba brasileiro e colecionam campeonatos no Rio e em São Paulo.
Rosa, por exemplo é autora do bombástico Bumbumpaticumbum Prugurundum, da Império Serrano, pela série de da Vitórias da Imperatriz Leopoldinense que lhe renderam o título de inventora da perfeição, é a atual carnavalesca campeã pois conduziu a Vila Isabel em 2013 ao campeonato e assina em 2014 o carnaval favoritíssimo da Mangueira.
Alexandre Louzada é responsável por seis campeonatos entre Rio e São Paulo. Este ano quer acabar com o jejum de títulos da escola em que mais atuou e para onde retorna: Portela.
Texto e Apresentação: Marco Antunes

Série especial “Carnaval de Salvador”, com Margareth Menezes

00:00

Divulgação
Margareth Menezes
Margareth Menezes é uma das atrações do carnaval de Salvador
Margareth Menezes é a maior estrela da música baiana, a diva, referência incontestável para todos. Ganhou dois troféus Caymmi, quatro troféus Dodô e Osmar, além de ser indicada para o Grammy Awards e o Grammy Latino. Tem quatorze álbuns e criou a ONG "Fábrica Cultural", que ajuda crianças e adolescentes carentes. Música do dia: Pelourinho
Texto e apresentação: Luiz Cláudio Canuto